terça-feira, novembro 16, 2004

Olhe, desculpe...

Apenas queria dar um braço a torcer: aquele amigo que me disse com ar instruído e dedo levantado que quem não comprou (ou gravou) o “Without You I´m Nothing” dos Placebo passou ao lado dos anos 90, tem toda a razão. Mesmo que me seja difícil confessar que ando um pouco atrasado. REC

4 Comments:

Blogger joe_disco said...

Eu não comprei nem gravei o “Without You I´m Nothing” dos Placebo, daí ter passado ao lado dos anos 90... o único álbum de Placebo que tenho é o homónimo e já me chegou: é francamente bom e a sua audição é perfeitamente suficiente para cobrir toda a obra posterior da banda de Brian Molko e seus capangas, dado que todos os outros álbuns pouco acrescem, em termos musicais, a este. A partir do 2º álbum, sempre foram uma banda sem "salero", repetitiva, circular... a lembrar certas gajitas-wannabe: muito rastilho, pouca pólvora...

12:20 da tarde  
Blogger PeterM said...

Os anos 90 começaram em... 1990 e o primeiro disco dos Placebo é de 96. Não me arrependo de ter passado ao lado dos Placebo a partir do segundo disco (o primeiro sim, é a grande obra-prima). Para trás ficaram os Nirvana, a ascenção de bandas como os Pixies, Morphine, Divine Comedy, Smashing Pumpkins, Ride, Stone Roses, Happy Mondays, Sonic Youth, Nick Cave & Bad Seeds, Blur, PJ Harvey, James, R.E.M, Smiths, Tindersticks, Massive Attack, Portishead, e muitos, muitos outros... Não concordo nada que o 2ºdisco dos Placebo seja indispensável para os anos 90. Desculpem lá...

5:36 da tarde  
Blogger Ricardo said...

Pedro, ao ter falado da importância dos Placebo não queria estar a menosprezar as bandas de que falas e ao som das quais fui crescendo (e que me são mais importantes que os P.). O tom algo absolutista do post não deve ser levado tão à letra, mas ouvindo hoje o disco não deixo de sentir que conseguiram captar na perfeição um som que define muito bem a década passada. Quanto à discussão sobre o melhor disco dos tipos, é assunto sério que mete tremoços e compêndios musicais. E é claro que desculpo...

1:42 da manhã  
Blogger PeterM said...

De acordo, ora essa.

1:02 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home