terça-feira, julho 19, 2005

Uma festa cheia de caras bonitas (III)



Apesar de, ao contrário do esperado, não ter aparecido nenhum inspector de finanças, a festa contou com a presença de outros referentes ético-sociais da comunidade, desde ilustres causídicos até a altos quadros dos órgãos de soberania.



Toda a credibilidade e consideração social de que a actividade de DJing goza está presente na expressão levemente marialva de dois dos Djs de serviço, com olhar confiante mas a denotar um certo complexo de superioridade relativamente ao comum do cidadão.

FMS