segunda-feira, novembro 21, 2005

Para que é que servem os amigos?


Sou um tipo obediente. Um amigo diz-me para ouvir o novo dos Boards of Canada e eu, com vantagem para mim, não hesito. É sempre assim. As coisas boas que ouço, devo-as, mais do que ao que leio, às recomendações dos amigos. Desde o liceu que o passa palavra e o passa disco são quem mais ordena. Mas os amigos conseguem também ser uns tipos distraídos. Os mesmos que me falaram dos Arcade Fire antes do hype em torno dos canadianos ou os que me obrigaram a prestar vassalagem justa aos Animal Collective, esqueceram-se de me obrigar a ouvir o EP (só de nome, porque é mesmo um álbum que recolhe 10 temas/singles) dos Fiery Furnaces. Estamos em Novembro, o disco tem data de 2004 – apesar de que parece que só foi distribuído em 2005 – e só agora o comprei (e por mero acaso). Há coisas que não se podem perdoar nem aos amigos. Eu, aproveitando para responsabilizar aqueles que faltaram às suas obrigações, digo-vos que é uma estupidez de todo o tamanho não andarem a ouvir a música do casal Friedberger de manhã à noite. PAS

5 Comments:

Blogger El Puto said...

Que bom tema! Sim senhor.

4:48 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Os Fiery Furnaces já têm, entretanto, um novo cd: rehearsing my choir.

Embora tenha gostado muito do EP, ainda não ouvi o último. No entanto, a crítica tem sido bastante má....

12:30 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Single again..ohhhhh single again. I wish I could.
Girlfriends suck. Let`s just have lovers.

4:15 da tarde  
Blogger Olavo Pinto said...

o melhor album dos FF é sem dúvida o Blueberry Boat, de 2004. Ainda não tomei muita atenção ao Rehearsing My Choir, e parece-me ter menos ritmo, muito mais spoken word...

Uma boa banda, sem dúvida!

3:04 da tarde  
Blogger M0rph3u said...

Voto no Blueberry Boat, tambem!
Tive a sorte de os ver em concerto este ano em NYC. Foi um belo concerto, sim senhor. Ninguem daqui os consegue puxar para passar em Portugal?

1:52 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home